1 CANTAREI PARA SEMPRE as provas do teu grande amor, ó Senhor! Anunciarei aos homens de todas as épocas a tua fidelidade!

2 Pensei comigo mesmo: O grande amor de Deus é eterno e sempre novo! A tua fidelidade está firmada para sempre nos céus.

3 O Senhor Deus declara: "Fiz um trato com o meu escolhido e prometi solenemente a Davi, meu servo:

4 A sua família ocupará o trono de Israel para sempre! "

5 Todos os céus louvam as tuas maravilhas, ó Senhor! Os santos anjos louvam a tua fidelidade.

6 Quem, em todo o céu, pode ser comparado ao Senhor? Nenhum dos anjos poderosos chega a seus pés!

7 Deus fica muito acima dos santos anjos; todos eles respeitam profundamente ao Senhor.

8 Ó Senhor, Deus do Universo, onde existe alguém tão forte e poderoso como Tu? Senhor, Tu és a própria Fidelidade!

9 Tu dominas o mar, quando ele está bravo; Tu acalmas as grandes ondas com a tua voz!

10 Tu quebraste o Egito em pedaços! Com o teu grande poder feriste mortalmente os teus inimigos, e todos eles fugiram.

11 OS céus são teus, a terra é tua! Sim, este mundo e tudo que nele existe foi criado por Ti.

12 Tu criaste o norte e o sul; o Monte Tabor e o Monte Hermon vibram de alegria porque foram criados pelo teu grande poder.

13 O teu braço é poderoso, a tua mão é forte! Tua mão direita é levantada, com poder e honra.

14 O teu trono tem mais bases, a Justiça e Direito. Por onde quer que vás, o Amor e a Verdade Te acompanham.

15 Feliz é o povo que Te adora com gritos de alegria pois o seu caminho será iluminado pela luz do teu rosto.

16 Tu és a alegria constante desse povo, e ele se orgulha de conhecer a tua justiça e bondade.

17 Nós nos orgulhamos porque Tu és a nossa força! Nosso poder depende inteiramente da tua bondade conosco.

18 Tu mesmo, Senhor, és a nossa proteção. Tu nos deste o nosso rei!

19 Há algum tempo, numa visão, Tu disseste ao teu profeta: a "Dei a um rapaz valente o poder para salvar o meu povo! Escolhi um rapaz humilde para ser rei.

20 Encontrei Davi, o meu servo; como prova da minha escolha derramei o meu santo óleo sobre a sua cabeça.

21 A minha mão confirmará as ações dele, e o meu braço será a sua força!

22 Ele nunca será apanhado de surpresa pelos seus inimigos, nunca será derrotado pelos perversos!

23 Eu mesmo destruirei os seus inimigos e castigarei quem odiar Davi.

24 A minha fidelidade e o meu amor cuidadoso estarão sempre a seu lado e ele se tornará forte e poderoso graças a Mim.

25 Darei a Davi um reino que vai desde o Mar Mediterrâneo até o Rio Eufrates.

26 Ele me agradecerá dizendo: 'Tu és o meu Pai, o meu Deus, a Rocha onde eu encontro a salvação!'

27 Por isso, darei a ele as honras de meu primeiro filho, e farei dele o rei mais poderoso em toda a terra.

28 Eu nunca lhe negarei o meu amor fiel; o meu trato com ele ficará firme para sempre.

29 Sua família nunca acabará; ele sempre terá um herdeiro para ocupar o seu trono, que será eterno como o céu.

30 Se os seus filhos e netos desprezarem a minha Lei, e não andarem pelos meus perfeitos caminhos,

31 se não derem importância às minhas ordens escritas e desobedecerem os meus mandamentos,

32 Eu mesmo castigarei com varas e chicotadas as desobediências e desvios de cada um deles.

33 Mas isso não significa que meu amor para com eles terminou, nem que deixarei de ser fiel ao meu trato com Davi.

34 Não! Jamais quebrarei o meu trato e nunca voltarei atrás de uma só palavra das promessas que fiz a ele.

35 Porque Eu fiz esta promessa solene a Davi, baseado na minha santidade:

36 A sua família será eterna! O seu trono ficará firme para sempre diante de mim, como o sol

37 e como a lua; ele nunca mudará, como as leis que Eu criei para o dia e a noite.

38 Por que, então, abandonaste o teu escolhido? Por que ficaste tão furioso com o rei?

39 Por que deixaste de lado o trato feito com teu servo? A coroa do rei ficou sem valor, pois foi jogada na lama.

40 Os muros de nossa capital e as nossas fortale­zas foram destruídos.

41 Quem passa por perto de nós leva um pouco do que sobrou, e todos os nossos vizinhos zombam de Israel.

42 Tu deste força aos inimigos do rei, e eles se alegraram com a nossa derrota.

43 Tornaste as nossas armas inúteis, e não ajudaste o rei na hora da batalha.

44 Apagaste o brilho glorioso do nosso reino e derrubaste o trono do nosso rei.

45 Fizeste o rei envelhecer depressa de­mais! Tu cobriste o nosso rei de vergonha e humilhação.

46 Ó Senhor, até quando esta situação vai continuar? Ficarás escondido de nós para sempre? O fogo da tua ira nunca se apagará?

47 Lembra-Te, Senhor, de como a minha vida é curta! Será que Tu criaste o homem sem motivo, sem um propósito para a vida?

48 Todos os homens terão de enfrentar a morte um dia; ninguém vive aqui para sempre! Quem é capaz de se livrar das garras da morte?

49 Senhor, onde foi parar o amor tão grande do passado, o amor que juraste, com a tua fidelidade, dar a Davi para sempre?

50 Vê bem, Senhor, a vergonha que os teus servos estão passando! Meu coração está carregado com as ofensas de outras nações.

51 Teus inimigos, ó Senhor, se divertem humilhando o nosso rei, escolhido por Ti.

52 Mas, mesmo assim, bendito seja o Senhor para sempre! Amém e amém!

Comentários

Nenhum comentário enviado.