1 SENHOR, TU ÉS o meu abrigo. Não me deixes ser envergonhado!

2 Por causa da tua justiça, devolve-me a liberdade perdida. Presta atenção à minha oração e salva-me.

3 Sê para mim uma Rocha firme, onde eu sempre encontre proteção. Eu sei que Tu já ordenaste a minha salvação, pois Tu és a minha proteção, a minha fortaleza.

4 Meu Deus, livra-me do homem perverso, das maldades do homem injusto e cruel.

5 Tu, Senhor Deus, és a minha esperança. Eu confio em Ti desde a infância!

6 Sim, desde o meu nascimento, Tu tens sido o meu apoio; Tu me deste vida, e por isso eu canto glórias a Ti a todo instante.

7 Muita gente acha que o que me aconteceu foi milagre; mas tudo aconteceu porque Tu és o meu forte auxílio.

8 Por isso, eu Te louvo com minhas palavras de dia e de noite. Eu dou glória a Ti a todo instante.

9 E agora que estou velho e fraco, por favor, não me rejeites nem me deixes de lado!

10 Meus inimigos já se reuniram para fazer planos contra a minha vida, dizendo:

11 Deus o abandonou! Vamos atrás dele; desta vez ele não escapará de nós! Ninguém o salvará!

12 Ó Deus, não Te afastes de Mim! Meu Deus, vem depressa me socorrer!

13 Destrói os meus inimigos! Joga por terra o nome que eles têm, para ficarem envergonhados diante de todos os homens.

14 Eu continuarei a confiar em Ti e louvarei o teu nome cada vez mais.

15 Contarei ao mundo a tua bondade e justiça; direi de todas as coisas que fizeste para me salvar. Foram tantas que eu nem posso imaginar seu número!

16 Vivo sustentado pela força do Senhor, e por isso vivo contando aos outros que somente Ele é justo e bom.

17 Ó Deus, Tu tens sido o meu mestre, desde a minha infância; hoje sou velho, mas nunca deixei de contar a outros os teus grandes milagres.

18 Não me abandones, ó Deus, agora que estou velho e de cabelos brancos. Ainda quero contar aos jovens de hoje ( e aos filhos deles ) os teus grandes feitos e o teu poder.

19 A tua justiça, ó Deus, é mais alta que os céus. Tu tens feito grandes milagres; quem pode ser comparado a Ti? Ninguém!

20 Tu me deixaste passar por terríveis problemas e tristezas, mas ainda me devolverás a alegria de viver, tirando-me da cova funda em que eu cair.

21 Tu me darás muito mais honra do que eu tinha antes; Tu voltarás a me consolar das tristezas.

22 Por isso, eu Te louvarei com a música dos instrumentos de corda, a lira e a harpa. Cantarei salmos para mostrar ao mundo que Tu és fiel, ó Santo de Israel.

23 Cantarei bem alto, de tanta alegria, quando eu Te louvar. Todo o meu ser vibrará de alegria porque Tu me salvaste.

24 Além disso, falarei a todo instante da tua justiça e bondade, porque Tu castigaste os que procuravam me destruir. Todos eles estão derrotados e envergonhados!

Comentários

Nenhum comentário enviado.