1 SENHOR, NÃO ME castigues quando estiveres muito zangado! Não me castigues quando o calor da tua ira estiver muito forte!

2 Mostra o teu amor por mim, Senhor, porque estou me sentindo muito fraco. Ó Senhor, cura o meu corpo porque todo ele está doente.

3 A minha alma também está fraca, a minha mente está agitada e confusa; ó Senhor, vem ajudar-me, depressa!

4 Vem, Senhor, e salva a minha vida. Salva-me pelo teu grande amor!

5 Se eu morrer, quem vai lembrar os homens da tua existência? Morto, não poderei louvar o teu nome diante dos homens!

6 O meu corpo está perdendo as forças por causa da dor; à noite o meu travesseiro fica molhado de lágrimas.

7 Já estou ficando fraco da vista, chorando por causa da tristeza provocada pelos muitos inimigos que tenho.

8 Vamos, saiam de perto de mim, todos vocês que vivem desobedecendo a Deus! Saiam de perto de mim porque o Senhor já ouviu minha oração cheia de tristeza.

9 O Senhor ouve todos os meus humildes pedidos e responde às minhas orações.

10 Todos os meus inimigos vão fugir de mim, de repente, cheios de vergonha e de medo!

Comentários

Nenhum comentário enviado.